Após intervenção do MP-MA

Sindicato suspende paralisação dos rodoviários marcada para tarde desta sexta (26)

Segundo o Sindicato, o movimento foi cancelado porque o MP-MA se propôs a mediar o conflito entre os trabalhadores e os patrões.
Imirante.com26/10/2018 às 15h53
Sindicato suspende paralisação dos rodoviários marcada para tarde desta sexta (26)

SÃO LUÍS - O presidente do Sindicato dos Rodoviários do Maranhão, Isaias Castelo Branco, afirmou que a paralisação dos rodoviários, que estava confirmada para acontecer na tarde desta sexta-feira (26), foi cancelada. Na próxima segunda-feira (29), também, não haverá paralisação.

Saiba mais:

Rodoviários se concentram na porta das garagens de ônibus

Ônibus voltam a circular aos poucos, e paradas ficam cheias

Ônibus não circulam nas primeiras horas desta sexta-feira (26), em São Luís

Sindicato confirma paralisação de ônibus em dois períodos nesta sexta-feira (26)

“Nós acabamos de fazer uma reunião com o nosso jurídico, o qual fez uma avaliação sobre a importância de cancelar o movimento, tendo em vista que fizeram contato com o Ministério Público, o qual se propôs a fazer uma mediação na terça-feira (30). Não está confirmado, mas tem um indício de que poderá haver essa mediação na próxima terça. Em razão disso estamos suspendendo o movimento”, afirma Isaias Castelo Branco.

Ainda segundo o presidente do Sindicato dos Rodoviários, outro motivo de cancelar a paralisação de advertência é a liminar da Justiça que determina que em caso de greve, 70% do transporte deve ficar em circulação. “Entendemos que com 70% da frota não existe paralisação”, declarou Isaias.

Ouça a entrevista que Isaias Castelo Branco deu na rádio Mirante AM, falando sobre o caso.

Nas primeiras horas da manhã desta sexta, os rodoviários de São Luís chegaram a cruzar os braços, em uma paralisação de advertência. A circulação normal da frota só foi retomada a partir das 8h. De acordo com o Sindicato dos Rodoviários, a medida visava obrigar os patrões a oferecer melhores condições trabalhistas à categoria, para que a nova Convenção Coletiva de Trabalho possa ser negociada.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.