Redução da frota

Empresa de ônibus que opera na região da Cidade Operária para nesta terça

Segundo Isaías Castelo Branco, são várias as irregularidades da empresa Matos.
Imirante.com, com informações da Mirante AM03/07/2018 às 06h47
Empresa de ônibus que opera na região da Cidade Operária para nesta terçaUsuários do transporte público devem sofrer consequências. (Foto: Arquivo/O Estado)

SÃO LUÍS - Uma empresa de transporte público, do Consórcio Upaon-Açu, deixou de operar na manhã desta terça-feira (3). De acordo com o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário no Estado do Maranhão (Sttrema), Isaías Castelo Branco, são várias as irregularidades da empresa Matos.

Já houve, nesta manhã, confusão na porta da garagem da empresa. A Matos opera na região da Cidade Operária e Cidade Olímpica e, segundo o presidente do sindicato, motoristas e cobradores sofrem com descumprimento de cláusulas acordadas na Convenção Coletiva de Trabalho.

Os trabalhadores estão com salários atrasados, sem plano de saúde, sem tíquetes, não recebem hora-extra, entre outros descumprimentos por parte da empresa.

Isaías adiantou que, nesta quarta-feira (4), mais empresas poderão aderir à paralisação. A reportagem aguarda posicionamento da Prefeitura de São Luís.

Ouça mais detalhes com o presidente do Sttrema:

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.