Descaso

Alunos estão sem aula em escola de São Luís

Teto da instituição desabou em cima dos estudantes no início do mês de março.
Larissa Martins / Imirante.com26/05/2017 às 14h00
Foto: Larissa Martins / imirante.com.

SÃO LUÍS - A escola Darcy Ribeiro, onde o teto havia desabado em março deste mesmo ano, continua sem ter aulas. A equipe de reportagem do Imirante.com esteve no local na manhã desta sexta-feira (26) e pode confirmar a informação.

Apesar de estar sem aulas, os funcionários trabalham no local normalmente. Um dos responsáveis da cantina, que não quis ser identificado, nos informou que eles cumprem o seu devido horário, independente da escola não ter voltado a funcionar.

As salas estão arrumadas e devidamente limpas e, segundo um outro funcionário, que também não quis ser identificado, as aulas devem voltar nesta segunda (29) ou terça-feira (30). Quando questionado se os pais estão avisados dessa possível volta, ele não teve resposta. Apenas nos informou que recebeu ordens para não deixar ninguém tirar fotos, nem responder a quaisquer perguntas.

Foto: Larissa Martins / imirante.com.

Por dentro a limpeza do local é clara, mas por fora, a situação é outra. Logo no muro da escola se nota o pichamento. Ao lado, há restos de telhas e tijolos depositados, além de um grande amontoado de lixo, no qual o fedor incomoda quem passa por perto.

Foto: Larissa Martins / imirante.com.
Foto: Larissa Martins / imirante.com.
Foto: Larissa Martins / imirante.com.

Termo de Ajustamento de Conduta

No começo deste mesmo mês, a 2ª Promotoria de Justiça Especializada na Defesa da Educação e a 28ª Promotoria de Justiça da Probidade Administrativa entraram com uma Ação Civil Pública contra o Município de São Luís, cobrando a reforma das escolas da rede municipal de educação que estavam previstas em um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), assinado em 2014, mas que não foi cumprido.

O Ministério Público do Maranhão pede a confirmação da Liminar e a condenação do município para reformar e realizar a manutenção das escolas, no prazo máximo de 40 dias. Este prazo deverá acabar na terceira semana do mês de junho.

Leia Mais: MP aciona Prefeitura de São Luís por reformas em escolas

O Portal Imirante entrou em contato com a Prefeitura para ter um posicionamento sobre o retorno das aulas e sobre a reforma, mas até o fechamento desta matéria, não foi obtida resposta.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.