Sem aula

Atraso em pagamento fecha creche de São Luís

Um movimento foi organizado por funcionários de várias escolas.
Imirante.com15/10/2015 às 08h29

SÃO LUÍS – “Hoje, fui deixar meu filho na escola e está fechada”. A declaração é de Daniel Pereira, que teve que voltar para casa com a criança, de cinco anos, já que a Creche Escola Cantinho da Criança, que fica no bairro Radional, está com o portão fechado. O motivo aparece em um cartaz fixado no próprio portão: manifestação.

Por telefone, a presidente da escola, Arabela Silva, explicou ao Imirante.com que a situação se deve a um atraso no pagamento de servidores de creches e escolas de São Luís. Segundo ela, professores, diretores, cozinheiros e outros funcionários estão há 10 meses sem receberem os salários.

Relembre: Escola de São Luís fecha por “falta de pagamento de aluguel”

Ela, também, contou que no mês passado receberam da Prefeitura de São Luís a promessa que seriam pagos, mas, como até hoje (15), o acordo não foi cumprido, eles resolveram protestar contra esta situação. De acordo com Arabela, várias instituições da rede municipal estão fechadas e muitos funcionários decidiram realizar um movimento em frente ao Palácio de La Ravardière, sede da prefeitura.

Procurada, a Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), informou que a Creche Escola Cantinho da Criança é de administração privada e comunitária. A Semed esclarece, ainda, que está encaminhando os trâmites documentais do convênio com a referida instituição e que a creche escola irá receber os valores devidos.

Ainda, de acordo com a nota, a secretaria informa que tem dialogado para agilizar a formalização dos convênios com as escolas comunitárias, inclusive debatendo, com a mediação do Ministério Público, estratégias para simplificar a lista de documentos exigidos dessas instituições.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.