São Luís

Após cobrança do Imirante.com, Semosp retira entulho de lixão no Alto do Calhau

Semosp lembra o acúmulo em terrenos é de responsabilidade do produtor dos resíduos.
Maurício Araya / Imirante.com18/03/2015 às 07h07

SÃO LUÍS – Depois da cobrança do Imirante.com, enfim, resíduos despejados irregularmente em um terreno baldio no bairro Alto do Calhau, em São Luís, foram retirados pela Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp). Ontem (17), o portal havia mostrado que, após 11 dias de ter sido mostrado pela primeira vez, a situação no local não havia mudado. O registro foi enviado pelo internauta Marcelo Sales, morador de um condomínio que fica ao lado do terreno, por meio do aplicativo WhatsApp – (98) 99209-2383. Ele reclamou da poeira, mau cheiro e a possibilidade de doenças respiratórias de moradores da região.

Nessa terça-feira, a Semosp, por meio de nota, esclareceu que, a empresa Ecolimp – com autorização vencida – foi contratada para fazer o recolhimento de entulhos da construção provenientes de obras do condomínio situado nas imediações do terreno baldio, e garantiu que, diante da falta de providencia por parte da Ecolimp, realizaria, ela própria, a limpeza do terreno, e recolher o contêiner – que aparece na imagem publicada na reportagem – deixado pela empresa no local.

A Semosp lembra o acúmulo em terrenos, como no caso apresentado pela reportagem do Imirante.com, é de responsabilidade do produtor dos resíduos, "que deve contratar empresa especializada e autorizada para a realização do serviço".

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.