Transporte público

Sindicato dos Rodoviários se reúne para decidir sobre circulação dos ônibus

Diretoria vai decidir medidas que garantam a integridade física dos trabalhadores.
Imirante.com01/10/2014 às 13h35

SÃO LUÍS – No início da tarde desta quarta-feira (1º), o presidente do Sindicato dos Rodoviários, Gilson Coimbra, se pronunciou sobre os dois ônibus queimados no fim da manhã de hoje, em São Luís.

Por volta das 14h, o presidente irá se reunir com a diretoria do sindicato para decidir quais as medidas devem ser tomadas para garantir a integridade física dos trabalhadores. Gilson Coimbra não descarta a possibilidade de recolhimento dos coletivos.

“Vou fazer uma reunião de emergência com a diretora, para fazer uma avaliação dos últimos acontecimentos, pois não está fácil a situação. Nós vamos tomar uma decisão que seja o melhor para o trabalhador e para os passageiros. Não estamos aqui para prejudicar a população, mas para resguardar a vida do trabalhador e dos usuários também”, afirmou Gilson Coimbra.

O presidente do Sindicato reconhece o trabalho da polícia, mas diz que não tem sido suficiente.

“A polícia já está atrás dos criminosos, fazendo buscas, mas queremos uma resposta imediata. O trabalhador e os usuários precisam ter segurança. Sabemos que usuário, também, achada tenso dentro dos ônibus”, explicou.

Sobre as informações enviadas pelos usuários, de que ônibus já estão sendo recolhidos, Gilson Coimbra afirmou que essa decisão não partiu do Sindicato, mas dos rodoviários e dos donos das empresas. No entanto, o STTREMA apoia a decisão, pois presa pela segurança dos trabalhadores e passageiros.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.