Protesto

Em protesto, motoristas de caminhões bloqueiam trecho da BR-135

Segundo a PRF, eles exigiram melhorias nas condições de trabalho.
Imirante.com11/09/2014 às 10h29

SÃO LUÍS – Motoristas de caminhões-tanques e de caçambas realizaram um protesto na BR-135, na manhã desta quinta-feira (11). A categoria usou os próprios veículos para bloquear o trecho próximo ao Porto do Itaqui, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Os caminhoneiros exigem melhores condições de trabalho e local apropriado para ficarem enquanto as os caminhões são descarregados.

“Não temos banheiro adequado para atender a demanda de todos os motoristas, pois são mais de 300 motoristas que tem acesso ao porto. A administração está criando normas que não está na constituição e nem na legislação de trânsito. Não foi realizada uma mobilização para passar aos trabalhadores que seriam expedidas essas novas leis. A única forma de nós mobilizarmos as autoridades responsáveis é interditando o tráfego para que de alguma forma a gente possa ter nossos direitos e documentar tudo para que não fique só no verbalmente”, relatou o representante dos caminhoneiros, Alexandro Cunha.

O protesto, que começou por volta das 9h, causou um longo congestionamento nos dois sentidos da rodovia. O trecho já foi liberado, porém, a entrada do Porto está fechada.

Após a liberação da pista, representantes da categoria reuniram-se com o inspetor do Núcleo de Policiamento e Fiscalização, Sr. Antunes, na Sede da 18ª Superintendência Regional do Estado do Maranhão (SRPRF-MA).

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.