Protesto

Após horas de interdição, BR-135 é liberada por manifestantes

Veículos chegaram a ser depredados ao tentar furar bloqueio.
Imirante.com15/05/2014 às 16h03

SÃO LUÍS – Após horas de protesto, manifestantes liberaram o bloqueio na BR-135, na tarde desta quinta-feira (15). O trânsito começou a ser liberado, por volta das 15h, mas o fluxo ainda está lento. A forte chuva que atinge a cidade no momento deixa a situação mais complicada.

Leia também

Estudantes bloqueiam trânsito no Km 16 da rodovia BR-135, em Pedrinhas

Trânsito é bloqueado na rodovia federal BR-135, em São Luís

Protestos na manhã desta segunda-feira, em São Luís

Foto: Luciano Dias/Imirante.com.

A manifestação, que teve início por volta das 10h de hoje, causou quilômetros de engarrafamento. Segundo o repórter Luciano Dias, do Imirante.com, que esteve no local, ambulâncias e caminhões carregados de mercadorias estavam sendo prejudicados pelos manifestantes.

Foto: Luciano Dias/Imirante.com.

O vendedor de frutas, João Costa, afirmou que estava, desde as 10h, preso no engarrafamento. “Minhas frutas já estão estragando por causa desse protesto”, disse o vendedor.

Foto: Luciano Dias/Imirante.com.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), alguns veículos foram depredados ao tentar furar o bloqueio.

Entenda o caso

Estudantes e professores da Unidade de Educação Básica (UEB) José Amaral Raposo, em Pedrinhas iniciaram um protesto por causa da falta de energia elétrica na escola, ocasionada pela queda de um raio em um transformador, durante a forte chuva que atingiu a Região Metropolitana da capital, nesta quinta-feira (15).

Um representante da Secretaria Municipal de Educação (Semed), órgão ligado à Prefeitura de São Luís, esteve no local negociando a liberação da rodovia.

Em nota, a Prefeitura de São Luís informou que a pane elétrica no colégio José Gonçalves do Amaral Raposo aconteceu devido à queda de um raio nas proximidades da escola, na manhã desta quinta-feira (15). Disse, ainda, que todos os trâmites para os reparos necessários estão sendo providenciados, e em caráter de urgência.

Veja nota na íntegra

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), informa que a pane elétrica no colégio José Gonçalves do Amaral Raposo ocorreu devido à queda de raio nas proximidades da escola, na manhã desta quinta-feira (15). A Semed esclarece, ainda, que todos os trâmites para os reparos necessários estão sendo providenciados, e em caráter de urgência. A Prefeitura reforça o seu compromisso de garantir a máxima celeridade na recuperação, garantidos os critérios de segurança para os estudantes.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.