Maranhão

Luis Fernando Silva será palestrante em Congresso da ONU

O prefeito de São José de Ribamar falará da instalação no município do projeto Justiça Juvenil Restaurativa.
Imirante 12/04/2010 às 10h24

SÃO LUÍS - O prefeito de São José de Ribamar, Luis Fernando Silva (DEM), será um dos palestrantes do 12º Congresso das Nações Unidas sobre Prevenção ao Crime e Justiça Criminal, que ocorrerá de hoje (12) até o próximo dia 19, em Salvador.

O 12º Congresso das Nações Unidas tem como tema “Estratégias Amplas para Desafios Globais: Sistemas de Prevenção ao Crime e Justiça Criminal e seus Desenvolvimentos em um Mundo em Transformação”.

O evento reunirá representantes de Estados Membros da ONU, responsáveis por políticas públicas na área de prevenção ao crime e Justiça Criminal, além de especialistas, parlamentares, acadêmicos e representantes da sociedade civil.

Nesta terça-feira (13), o prefeito Luisa Fernando falará da instalação no município do projeto Justiça Juvenil Restaurativa, que visa estabelecer uma rede de articulação sistemática entre diversos órgãos, com o objetivo de trabalhar para ressocialização de jovens infratores.

O prefeito Luiz Fernando também apresentará aos participantes do Congresso informações sócio-econômicas de São José de Ribamar e os vários projetos, programas e ações desenvolvidas no município que dizrespeito à juventude do município.

Dentre as ações estão o da instalação dos Conselhos Municipais da Criança e do Adolescente, da Juventude, e da Assistência Social; serviços de emissão de documentação civil; intermediação dos jovens com o mercado de trabalho; capacitação profissional dos jovens e de seus familiares; combate ao trabalho infantil; criação e execução do projeto Meninos do Santuário; instalação e promoção dos projetos Grafite, Papo Cabeça e ProJovem Adolescente; criação do programa de Voluntariado Municipal; implantação do Centro de Belas Artes; instalação do Centro de Capacitação Profissional de Adolescentes; dentre outras.

Os referidos projetos, programas e ações funcionaram como diferencial para que a Fundação suíça Terre des Hommes, que desenvolve o Justiça Juvenil Restaurativa em vários países, escolhesse São José de Ribamar para receber o projeto, desenvolvido em parceria entre a Prefeitura de Ribamar, Poder Judiciário e a Fundação s Terre des Hommes.

Com as informações da Ascom/Prefeitura de São José de Ribamar.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.