No Maiobão

Abandono de creche aumenta insegurança

No espaço, há pontos de água parada e muito mato.
Neto Cordeiro/Imirante.com14/04/2016 às 06h29

PAÇO DO LUMIAR – O espaço que deveria ser usado para alfabetizar as crianças do bairro do Maiobão e regiões vizinhas, em Paço do Lumiar, por pouco não caiu nas mãos de criminosos. O local destinado ao funcionamento de uma creche está abandonado há seis anos, de acordo com os moradores.

Durante todo este tempo, o mato se espalhou por grande parte do terreno da unidade. Sem funcionar, ela estava sendo usada por bandidos, porém os próprios moradores de uniram para expulsá-los do local. Edvar Filho conta que comprou até cadeados para deixar o prédio fechado e, assim, evitar que os bandidos voltassem.

O matagal toma conta, também, do espaço interno da creche. Foto: Neto Cordeiro/Imirante.com.

“Comprei dois cadeados para não roubarem os portões, nem fazerem baderna”, afirma. A vizinhança reclamava, segundo ele, do mau cheiro e do barulho, principalmente, durante a noite. “Sou obrigada eu mesma me vigiar porque tinha um vigia, mas deixaram de pagar”, ressalta outra moradora que não quis se identificar.

Depois de intimidar os invasores, a comunidade aguarda que a Prefeitura de Paço do Lumiar dê celeridade à conclusão da creche. O interior do prédio ainda está com serviços inacabados, além disso, muito material já foi furtado. Em uma sala, há um colchão e parte de um sofá. Também, foi colocada uma escada no muro, possivelmente, servia de acesso ao espaço.

Escada usada para entrada e saída de vândalos. Foto: Neto Cordeiro/Imirante.com.

O combate ao mosquito Aedes aegypti é outra preocupação dos moradores. Pontos de água parada são fáceis de notar, mas Edvar adiante que procura, regularmente, a secretaria de Saúde para que sejam aplicados larvicidas nos criadouros.

Procurada, a assessoria de comunicação da Prefeitura de Paço do Lumiar, ainda, não se manifestou. Veja abaixo imagens do espaço abandonado.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.