O País | Melhor amigo

Dia Mundial dos Animais: veja quatro vantagens de adotar um pet

Médica veterinária explica os benefícios envolvidos tanto para o bem-estar dos tutores como dos animais de estimação
04/10/2021 às 18h30
Dia Mundial dos Animais: veja quatro vantagens de adotar um pet. (Divulgação)

São Paulo - Foi em 1931, durante um congresso de ecologistas, que a data de 4 de outubro foi escolhida originalmente para comemorar o ‘Dia Mundial dos Animais’. Desde então, anualmente, no dia de São Francisco de Assis - santo padroeiro dos animais e da natureza - é celebrado a vida dos animais.

Podemos observar que a relação dos humanos com os animais de estimação mudou muito nos últimos tempos, principalmente devido ao isolamento social causado pela pandemia. Tanto que, dados publicados pelo Instituto Pet Brasil (IPB) revelam que a população pet mundial aumentou cerca de 1,7% em 2020, comparada ao ano anterior. Cães (2,1%) e gatos (3,1%) lideram o ranking desse crescimento ao redor do mundo.

A médica veterinária Thaís Matos explica que os benefícios estão relacionados ao bem-estar tanto de tutores como dos pets. "A ciência nos comprova que ser mãe ou pai de pet faz bem para a saúde mental e emocional dos humanos. As transformações positivas que a convivência com os animais de estimação proporciona são essenciais para a vida, como a melhora da autoestima e a sensação de tranquilidade. Por outro lado, cães e gatos acabam por se tornar membros da família para muitos e com isso, recebem todo o cuidado e carinho que merecem", destaca.

De acordo com a especialista da DogHero existem ainda outros motivos para adotar um pet. Confira abaixo 4 vantagens para ter um animal de estimação:

Mais amizade
Pessoas que convivem com animais são mais fáceis de demonstrar carinho. O vínculo também pode ajudar muitos a se tornarem mais generosos e sociáveis. Passam a superar de forma positiva os momentos de solidão, pois ao compreender as necessidades do pet os tutores tendem a se tornarem mais calmos e pacientes com outras pessoas também.

Confiança redobrada
Sabe aquela sensação maravilhosa de dever cumprido? Ela sem dúvida é ativada quando a mãe ou pai de pet cuida do seu animal de estimação no dia a dia, como por exemplo após alimentar o gato ou dar banho no cãozinho. O amor que os pets demonstram pelos tutores é incondicional e isso torna a pessoa mais confiante, diminuindo até os riscos de depressão.

Abaixo o estresse e sedentarismo
Estudos científicos revelam que tutores de cães são mais ativos comparados a quem não possui um pet. A Associação Americana do Coração destaca que ter um cãozinho auxilia no afastamento de problemas cardiovasculares, pois ao levar o pet para passear e brincar, o tutor passa a praticar mais atividade física, com isso melhora a reação do organismo ao estresse.

Salvar a vida de um animal abandonado
ONGS e clínicas veterinárias não conseguem manter a grande quantidade de cães e gatos desabrigados por muito tempo. Com a adoção de um pet o tutor terá um novo e grande amigo e, ainda, contribuirá para salvar e trazer amor e cuidados a um animal de estimação que precisa de um lar. Os pets são capazes de nos fazer pessoas melhores e mais conscientes, por isso, o ato de adoção é tão poderoso e especial.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte