DOM | Saúde do corpo

Especialista explica por que mudança corporal deve ser planejada com antecedência

Por meio da orientação profissional é possível alcançar resultados consistentes
26/09/2021 às 00h18
Especialista explica por que mudança corporal deve ser planejada com antecedência. (Divulgação)

São Luís - O fim do ano está chegando e logo a movimentação nas academias e clínicas de saúde começa a se intensificar. Estima-se que nesse período do ano, há um aumento de 10 a 13% de alunos novos nos centros de treinamento. O objetivo é um só: estar preparado para as festividades, além das férias com destino às praias, um cenário perfeito para o aproveitar o verão.

A busca pelo “corpo do verão”, no entanto, pode trazer prejuízos à saúde. Segundo a nutricionista Rayana Silva de Almeida, a melhor estratégia é manter hábitos saudáveis ao longo de todo o ano. “O recomendado é sempre buscar um ponto de equilíbrio, ter cuidado com o excesso, pois pode trazer prejuízos para a saúde em âmbitos importantes, como físicos, psicológicos e sociais”, afirma.

Para a especialista, é importante buscar orientação profissional na busca do bem-estar. “Sempre será necessário a busca de profissionais na área da Educação Física e nutricionistas, qualificados e capacitados para orientações tanto da atividade física, quanto da alimentação saudável e equilibrada”, pontua.

Para emagrecer de forma saudável e com resultados sólidos e permanentes, a professora reforça a necessidade de se buscar atendimento especializado. “Primeiramente deve-se traçar um planejamento de rotina, que envolve desde a aquisição do alimento até o momento da refeição, que deverá ser realizada em um ambiente calmo e harmonioso”, detalha.

A nutricionista recomenda realizar de cinco a seis refeições diárias, com base em alimentos naturais ou minimamente processados. “Importante se hidratar, ingerindo no mínimo 2 litros de água por dia. Evitar passar muito tempo sem se alimentar e ir ao supermercado com fome, procurar um profissional nutricionista para elaboração do plano alimentar individualizado”, finaliza.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte