Política | Vacina

Sputnik V: governadores do Nordeste silenciam sobre compra de doses

Maranhão deve receber 141 mil doses para aplicação em fase de testes da vacina no país; somente público adulto e saudável pode receber imunizante
Thiago Bastos da editoria de Política19/07/2021 às 11h01
Sputnik V: governadores do Nordeste silenciam sobre compra de dosesDivulgação

SÃO LUÍS - O recebimento, pelo território brasileiro,do imunizante Sputnik V para o controle da Covid-19 virou novela. Até o momento, nenhum estado do país recebeu o imunizante.

Os governadores do Consórcio Nordeste, até o momento, se calaram e a entidade cita que em breve alguns lotes deverão ser recebidos.

O Maranhão, por exemplo - após restrições determinadas pela Anvisa - deve receber preliminarmente um lote de 141 mil doses aproximadas. Na semana passada, o imunizante russo foi pauta de reunião entre gestores estaduais e o Ministério da Saúde.

O ministro Marcelo Queiroga declarou, recentemente, que a pasta federal a princípio não fará a compra dos lotes russos, cabendo aos estados adquirirem os imunizantes de forma autônoma.

No dia 8 deste mês, o governador do Piauí e presidente do Consórcio Nordeste, Wellington Dias (PT), disse que os imunizantes chegariam na semana seguinte, o que não ocorreu.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte