Geral | Nova remessa

Maranhão recebe mais 131,2 mil doses de vacina AstraZeneca

Novo lote de imunizantes permitirá aplicação da 1ª dose em pessoas entre 55 e 59 anos, fora dos grupos prioritários, e o início da vacinação de bancários e trabalhadores dos Correios
17/07/2021 às 18h03
Maranhão recebe mais 131,2 mil doses de vacina AstraZenecaO ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, acompanhou a distribuição das vacinas para todo o país a partir de Brasília (Divulgação)

O Maranhão recebeu mais 131,2 mil doses da vacina Covid-19 da AstraZeneca/Oxford, produzidas no Brasil pela Fiocruz. Nesta distribuição, brasileiros que moram em estados que fazem fronteira com outros países terão prioridade na vacinação contra Covid-19, com o objetivo de reforçar a proteção nessas localidades e conter o avanço de possíveis variantes.

Desde o início da campanha de imunização, o estado já recebeu 4,4 milhões de doses de vacinas Covid-19 – mais de 3,4 milhões foram aplicadas.

Nessa pauta de distribuição, também foram enviados imunizantes para primeira dose de pessoas entre 55 e 59 anos, fora dos grupos prioritários, e para início da vacinação de bancários e trabalhadores dos Correios. Além das vacinas, o Ministério da Saúde também entrega aos estados e Distrito Federal nos próximos dias mais de 5,3 milhões de seringas e agulhas de 1ml e de 3ml.

A estratégia de distribuição de vacinas Covid-19 é definida em reuniões entre União, estados e municípios, observando as confirmações do cronograma de entregas por parte dos laboratórios. O objetivo é garantir a cobertura vacinal no tempo recomendado. No caso da vacina da Fiocruz, o intervalo é de 12 semanas.

As orientações de vacinação e a divisão das doses por UF estão no 28º informe técnico.

PÁTRIA VACINADA

Até agora, o Ministério da Saúde já entregou aos estados e DF mais de 154 milhões de doses de vacinas Covid-19. Mais de 120 milhões de doses já foram aplicadas, sendo que mais da metade da população-alvo da campanha já recebeu a primeira dose e cerca de 20% dos brasileiros já estão totalmente imunizados.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte