Geral | Pandemia

Maranhão volta a registrar acima de 1.200 novos casos de covid

Quanto a novos óbitos, foi repetido o número de mortes do boletim anterior; ou seja, mais 17 pessoas perderam a vida para a covid, segundo dados da Secretaria de Estado da Saúde
06/07/2021 às 20h37
Maranhão volta a registrar acima de 1.200 novos casos de covidHoje, 31.675 estão em isolamento domiciliar e 1.336 encontram-se internados em hospitais (Divulgação)

São Luís – Os dados de novos casos de covid voltam a patamar acima de 1.000 infectados, o que corrobora a tese de que no fim de semana há o represamento das informações, principalmente no interior do estado. Segundo boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (SES), divulgado na noite desta terça-feira, 6, foram registrados mais 1.220 casos.

Desse total, 141 foram na Grande Ilha, 39 em Imperatriz e 1.040 nos demais municípios maranhenses. Desde março do ano passado, quando foi confirmado o primeiro caso no Maranhão, 322.052 pessoas já foram infectadas pelo novo coronavírus.

Quanto a novos óbitos, foi repetido o número de mortes do boletim anterior. Ou seja, mais 17 pessoas perderam a vida para a covid no estado, as quais foram registradas nas cidades de Cidelândia (1), Vila Nova dos Martírios (1), Lago Verde (1), Porto Franco (1), Estreito (1), Igarapé do Meio (1), Grajaú (1), Arame (1), São Luís (4) e Coroatá (5).

O boletim também informa que 33.011 pessoas estão com o novo coronavírus ativo no organismo, das quais 31.675 estão em isolamento domiciliar e 1.336 encontram-se internados em hospitais públicos e privados no estado. São 838 em tratamento em leitos de enfermaria e 498 que estão em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Quanto à ocupação de leitos de UTI na Grande Ilha, a taxa corresponde a 82,44% - ou seja, de 279 leitos de UTI disponibilizados exclusivamente para atendimentos de pacientes com covid, 230 estão ocupados. Já em termos de leitos clínicos, a taxa de ocupação é de 74,62%.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte