Política | Sputnik V

MA espera até sexta-feira para envio de documentos da Rússia para Anvisa

Se não houver respostas nem do governo russo e nem da Anvisa, governo estadual deverá ingressar novamente na justiça pedindo novo prazo para análise
Thiago Bastos/ Da Editoria de Política28/04/2021 às 09h49
MA espera até sexta-feira para envio de documentos da Rússia para AnvisaGovenro do Maranhão esperará até sexta-feira por envio de documentos sobre a Sputnik V para Anvisa (Divulgação / Reuters)

O governo do Maranhão informou a O Estado que espera até sexta-feira para o envio de documentos do governo russo para a Anvisa que comprovariam a eficácia da vacina Sputnik V, cuja prioridade de compra fora acertada em março deste ano. Caso não haja um retorno da Rússia ou uma resposta da Anvisa nesta data, o governo ingressa com peça judicial requerendo nova análise, com pedido de importação do imunizante.

O prazo foi confirmado pelo governador do Maranhão, Flávio Dino, em entrevista à TV Mirante. Segundo ele, é preciso ter pressa para que o estado e os demais do Nordeste não percam a prioridade no recebimento do imunizante que, de acordo com o governador, foi aprovado em 63 países no mundo.

A Anvisa, por outro lado, questiona informações e alega que existem pendências no repasse de informações pela Rússia à entidade. A agência confirmou ainda que, durante a visita da comitiva da entidade ao território russo, não foi permitido o acesso às instalações do Instituto Gamaleya, responsável pela produção das doses.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte