Esporte | Na competência

Juventude derrota Iape em jogo de "chances desperdiçadas" pelo visitante

O jogo terminou 3 a 0 para o Samas e, apesar do resultado, o time da capital deve se lamentar pelas chances desperdiçadas ao longo dos 90 minutos
Thiago Bastos / O Estado25/04/2021 às 18h47
Juventude derrota Iape em jogo de "chances desperdiçadas" pelo visitanteAmendoim e Naoh (ao fundo) comemoram primeiro gol da partida (Gegeu Sousa)

São Mateus (MA) - O Juventude Samas não tomou conhecimento do IAPE e venceu o "Canário da Ilha" em jogo disputado na tarde deste domingo (25) na cidade de São Mateus (MA). O jogo terminou 3 a 0 para o Samas e, apesar do resultado, o time da capital deve se lamentar pelas chances desperdiçadas ao longo dos 90 minutos.

O Samas começou a partida de forma frenética e logo aos 2 minutos de partida, após tabela, o meia William Amendoim entrou na área livre e tocou para o fundo das redes sem chances para o goleiro Moíses do IAPE. Com o placar, o "Canário" se lançou e apostou nos cruzamentos da área, mas sem criar chances claras. O Samas, até os 40 minutos, era mais perigoso apesar de ter menos a bola.

No fim do primeiro tempo, o atacante Ricardo Maranhão do IAPE perdeu uma chance inacreditável. Sem goleiro e na pequena área, ele acertou a trave e desperdiçou a chance.

Na etapa complementar, enquanto a equipe da casa não mexeu, o técnico do IAPE, Zé Augusto, incluiu no jogo Gotinha e Kaká nos lugares de Wellington Jr e Ricardo Maranhão. O IAPE voltou bem melhor, criou uma situação de pênalti bem marcado pelo árbitro da partida, Raimundo José Chagas Aragão.

Na cobrança, aos 6 minutos, Edrean chutou e o goleiro Bruno fez importante defesa. No lance seguinte, o lateral-esquerdo do Samas, Caxambu, cruzou para área e após falha do goleiro Moisés, o atleta Amendoim finalizou para o gol vazio.

Com o 2 a 0, o técnico Zé Augusto passa a arriscar mais e coloca o meia Léo Aires no lugar do zagueiro Denilson, que estava amarelado. As mexidas tornam o time da capital mais confuso e o Juventude torna-se mais perigoso. Tanto que aos 27 minutos em um cruzamento na área, o volante Nathan (que entrou no segundo tempo) completa dando números finais à partida.

Com o resultado, o Samas pode perder até por 2 gols de diferença na volta que se classifica para as semis do Maranhense. A partida de volta, até o fechamento desta reportagem, estava marcada para a próxima quinta-feira, dia 29, às 16h, no Estádio Castelão.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte