Política | Covid-19

Senador cobra informações sobre doses aplicadas diretamente pelo Estado

Roberto Rocha (sem partido) enviou ofício para a Secretaria Estadual de Saúde pedindo informações sobre a vacinação contra a Covid-19 no Maranhão
Gilberto Léda/ Da editoria de Política23/04/2021 às 09h10
Senador cobra informações sobre doses aplicadas diretamente pelo EstadoRoberto Rocha quer explicações sobre aplicação de vacinas pela gestão estadual (Reprodução)

O senador Roberto Rocha (sem partido) anunciou na quinta-feira, 22, o envio de ofício ao Governo do Maranhão cobrando informações sobre a vacinação contra Covid-19 no Maranhão.

Ele alega que o pedido justifica-se pelo fato de haver notícias de que o Executivo estadual, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), esta aplicando vacinas diretamente em alguns grupos de maranhenses, em vez de repassar todas as doses dos imunizantes às prefeituras.

Rocha diz que isso não é permitido pelo Plano Nacional de Imunização (PNI).

"No Brasil, o Plano Nacional de Imunização contra a COVID-19 deixa clara a responsabilidade de cada esfera de governo: a União adquire as vacinas, os Estados as distribuem e os Municípios realizam a vacinação. No entanto, no Maranhão, há fortes indícios de que o Governo do Estado vem retendo e aplicando diretamente parte das doses enviadas pelo Governo Federal, que deveriam ser repassadas aos municípios maranhenses", destacou ele, em postagem nas redes.

O senador quer saber exatamente "quantas doses foram aplicadas pelo Governo do Estado sem o envolvimento das prefeituras, bem como a quantidade de doses entregues a cada município e quais os critérios utilizados para a distribuição".

"Levarei o caso também ao conhecimento do Ministério da Saúde e das demais autoridades federais competentes", completou.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte