Política | Vacina

Entidades pedem que estado assuma vacinação da rede particular de ensino

Pela resolução 09/2021, é de responsabilidade da Prefeitura de São Luís a vacinação de educadores das redes municipal e privada na capital
Carla Lima/Editora de Política23/04/2021 às 10h38
Entidades pedem que estado assuma vacinação da rede particular de ensinoPais, professores e donos de escolas querem que a rede privada seja vacinada pelo governo estadual (Divulgação Prefeitura)

Associação de pais de alunos, sindicato dos proprietários de escolas particulares e sindicato de professores solicitaram ao governo estadual que a aplicação das vacinas contra a Covid-19, em São Luís, passe para a competência da Secretaria Estadual de Saúde (SES). A informação foi dada pelo governador Flávio Dino (PCdoB) durante a coletiva na manhã desta sexta-feira, 23.

O motivo do pedido se deve ao fato da Secretaria Municipal de Saúde da capital ter privilegiado a vacinação para educadores da rede do município de ensino.

Para que os profissionais de educação da rede particular passe ser de responsabilidade do estado, a Comissão Intergestores Bipartite deve decidir se muda a legislação de acordo com a resolução de 09/2021. Esta comissão está reunida nesta sexta-feira, 23. Pela resolução, Em São Luís e Imperatriz, as prefeituras são responsáveis pela vacinação das redes municipal e privada de ensino. O governo estadual vacina professores da rede estadual e federal.

Sobre a vacinação somente para a rede municipal, em São Luís, a Semus alegou que o sindicato da categoria não encaminhou lista com os nomes dos educadores com a faixa etária de 55 anos ou mais.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte