Esporte | Karatê "online"

Destaque do Maranhão, jovem karateca segue brilhando em disputas "online"

Radhyja do Carmo Silva, melhor do estado e 3ª melhor do país na categoria sub-14, venceu a Copa Brasil e o Maranhense em disputas de karatê pela internet
20/04/2021 às 19h51
Radhyja segue treinando para as próximas competições

SÃO LUÍS – Melhor karetaca da sua categoria no Maranhão, e uma das melhores do país, Radhyja do Carmo Silva continua se destacando, mesmo em tempos de “novo normal” também para o karatê. Aluna do Colégio Militar Tiradentes I, da Vila Palmeira, a atleta do sub- 14, faixa roxa, conquistou neste mês o Campeonato maranhense e a II Copa Brasil de Karatê, em março, e já se prepara para a disputa III Copa Washyde, competição da Liga de Karatê Virtual, de São Paulo. Por causa das restrições, até o momento apenas competições online estão sendo disputadas no país.

Radhyja, que já foi eleita pela Federação Maranhense de Karatê (FKEM) a melhor atleta da sua categoria, conquistando a 3ª colocação do ranking nacional da Confederação Brasileira de Karatê (CBK), em 2019, teve um 2020 cheio de conquistas, apesar das dificuldades para treinar, até mesmo competir, e neste ano não tem sido diferente. Na primeira competição oficial do calendário maranhense de 2021, o Campeonato Maranhense de Karatê Virtual, a karateca conquistou o primeiro lugar na categoria sub 14 - faixa roxa, representando a academia Combat Center.

Neste campeonato estadual, realizado pela FKEM, no dia 11 deste mês, Radhyja competiu com atletas da Paraíba, São Paulo e Bahia, além de árbitros de vários outros estados, adaptações que são possíveis neste momento com competições pela internet - o que tem aumentado ainda mais o nível das disputas.

Além do Maranhense, Radhyka ganhou também a II Copa Brasil de Karatê, na categoria sub 14 - faixa roxa a preta com kata avançado, realizada pela World Karate Federation (WKF). Nesta edição, a atleta do Maranhão representou seu estado e a academia Seiryukan. Nesta mesma edição da Copa Brasil ela ainda trouxe um bronze, na categoria OPEN - 16 anos todas as faixas com KATA avançado.

Próxima disputa

Radhyja aperfeiçoa movimentos em treinamento

Em meio a treinamentos virtuais e atividades ao ar livre, para evitar contatos mais próximos com atletas e professores, Radhyja do Carmo se prepara para a III Copa Washyde - representando a academia Seiryukan. Ela vai disputar a categoria sub 14 feminino - 12 e 13 anos - faixa roxa a preta - Kata avançado.

Essa competição é realizada pela Liga de Karatê Virtual de São Paulo, e será organizada em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. Pelo menos atletas de 12 estados e alguns países (Brasil, Moçambique, Rússia, e possivelmente Venezuela e Chile) estão confirmados na disputa, que deve contar com cerca de 450 competidores.

Trinadores

Com uma carga grande treinos e competições, Radhyja é treinada por três profissionais. O Sensei Reinaldo, e a Sensei Andressa Reis Azevedo, da Academia Combat Center, e o Sensei Marco Aurélio Mota, da academia Seiryukan, são os responsáveis pelo aperfeiçoamento físico, técnico e mental da atleta.

Competições “online”

As competições virtuais de karatê funcionam da seguinte maneira: o atleta envia um vídeo do seu kata para a organização do evento, que, em data e horário marcado, é analisado sob critérios técnicos e atléticos pelos árbitros da competição, sendo atribuído as notas. Consequentemente o atleta com maior pontuação é o vencedor da categoria que está disputando.

O que é o kata?

O "Kata" é uma sequência de movimentos de técnicas de ataque e defesa, com base em critérios técnicos (conformidade na execução dos movimentos) e atléticos (o tempo e força utilizados nessa execução).

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte