Política | Novidade

O Estado/Imirante exibem novos programas digitais sobre Política

Após o podcast sobre política de O Estado, o Politicast, os internautas também contarão com o Giro Político; além destes produtos, vai estrear o programa Cartas na Mesa, que será transmitido pelo canal do Youtube do Imirante
Thiago Bastos e José Linhares Jr / O Estado08/04/2021
O Estado/Imirante exibem novos programas digitais sobre PolíticaPrograma Cartas na Mesa vai estrear esta semana no canal do youtube do Imirante e também de O Estado (Divulgação)

Como parte do processo de modernização da Editoria de Política de O Estado/Imirante na internet, estão sendo lançados em 2021 novos espaços que pretendem dinamizar a cobertura do segmento no Maranhão. Além do já existente “Politicast”, podcast sobre política de O Estado que os internautas acompanham toda semana, estreou também o “Giro Político”.

A primeira edição do Giro foi ao ar na semana passada e abordou o processo de vacinação no Estado. Participaram do projeto inaugural, o secretário de Saúde do Estado, Carlos Lula, os senadores da República, Roberto Rocha (PSDB) e Eliziane Gama (Cidadania), além do deputado federal Hildo Rocha (MDB).

O objetivo do projeto não é se posicionar explicitamente sobre o tema, mas pautar o consumidor do conteúdo acerca de questões públicas e com repercussão política.

“O universo dos podcasts cresce a cada dia e O Estado e o portal Imirante, dentro de seus papéis de sempre abraçarem a vanguarda, não poderiam deixar de embarcar nesse novo momento do jornalismo”, disse o diretor de Redação de O Estado do Maranhão, Clóvis Cabalau.

Temas de repercussão

De forma diferente do estilo usual dos podcasts, que opta na maioria das vezes por entrevistas ou opiniões de seus responsáveis, o Giro Político apresentará um tema específico e ouvirá o que pensam os convidados.

Nesta semana, personagens ouvidos falarão sobre o pedido de calamidade pública encaminhado ao Executivo à Assembleia Legislativa do Maranhão e já apreciado e aprovado em plenário.

Participam da segunda edição os deputados estaduais César Pires (PV) e Yglésio Moyses (Pros), o secretário da Indústria e Comércio do Estado, Simplício Araújo, e o secretário de Articulação Política, Rubens Júnior. A segunda edição do programa estará no ar a partir de hoje.

“Não temos perguntas, nem réplicas e/ou tréplicas. O assunto é apresentado e a pessoa discorre sobre ele de forma pura. Sempre de forma aberta e democrática”, explicou o repórter Thiago Bastos, que faz parte da produção do Giro Político.

A intenção do formato do Giro Político, além de dar voz aos convidados, é tentar fazer um parâmetro sobre as opiniões. “Às vezes a intervenção do jornalista tende a limitar o debate dentro dos parâmetros que ele estipula. No Giro Político não há esses limites porque o convidado não será direcionado durante sua fala e sequer vai saber quem são os outros convidados. É a opinião pura”, disse José Linhares Jr, que também produz o podcast.

No Politicast, produto já no ar desde o ano passado, os fatos políticos da semana são analisados pelos jornalistas da Editoria de Política de O Estado. O podcast sobre política vai ao ar toda sexta-feira à tarde.

Outras novidades

Além do Giro Político, outras novidades no segmento de produção de conteúdo político do Grupo Mirante estarão disponíveis. Um deles é o programa Cartas na Mesa, que será exibido nas plataformas oficiais de O Estado e do portal Imirante.com. O programa entra no ar toda sexta-feira e trará análises da cena política do Brasil e do Maranhão.

“O Brasil entrou num processo político que considero fora do padrão por se basear demais em extremismos opinativos baseados em fake news. Diante disto, ficou mais que necessário que os meios de comunicação deixassem de lado o ditado comum de que política não se discute para trazer os fatos do meio para conhecimento público. É nesta linha que estamos seguindo. Descomplicando a política para trazer o melhor entendimento a sociedade”, disse a editora de Política de O Estado, Carla Lima.

Para a gestora do Núcleo Digital do Imirante.com, Maria Fernanda Sarney, o objetivo das mudanças a partir da aproximação entre os veículos do Grupo Mirante é manter a diversidade na produção de conteúdos, priorizando a boa informação.

“A editoria de Política deve ficar mais dinâmica e atual com essas novas ferramentas. E isso faz parte de um processo que não envolve apenas um setor, mas todo o ambiente digital do Imirante, que está sendo modernizado. Essa melhora constante e a busca pelas melhores ferramentas para poder levar a melhor informação sempre foi uma marca do Grupo Mirante”.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte