Vida | Comportamento

Positividade Tóxica, a felicidade exposta nas redes sociais

Além do bloqueio das emoções negativas, é comum que a ansiedade, depressão, baixa autoestima e transtornos mentais e comportamentais sejam desenvolvidos
30/03/2021

Brasília - Em meio a um bilhão de usuários ativos por mês, é difícil encontrar uma pessoa que não tenha perfil no instagram. A plataforma possui 500 milhões de acessos diários e se tornou, além de uma rede social, uma rede comercial. Com a popularização dos influencers, basicamente tudo passa a ser monetizado, inclusive a felicidade. Através da tela do celular, a vida do outro aparenta ser perfeita: o corpo dos sonhos, bens materiais, viagens e felicidade em tempo integral. Mas não é bem assim.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

Assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte