Geral | Atenção

Gordura no fígado: casos de esteatose hepática crescem no país

A doença pode ser controlada com alimentação saudável e exercícios físicos, segundo especialistas; exames de imagem podem ajudar o diagnóstico
28/03/2021 às 07h39

São Paulo - A esteatose hepática, geralmente chamada de "gordura no fígado", é considerada a doença mais comum deste órgão em grande parte dos países industrializados e está associada a fatores de risco como diabetes tipo 2, obesidade, síndrome metabólica e dislipidemias, causadas por elevados níveis de gordura no sangue. Também está associada ao uso de anabolizantes ou exposição a produtos químicos nocivos ao órgão.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

Assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte