Política | Pandemia

Carlos Lula ficará mais um ano à frente do Conass

Secretário de Estado da Saúde do Maranhão foi reconduzido ao cargo por aclamação por gestores estaduais de saúde do país
Ronaldo Rocha / Da Editoria de Política25/03/2021 às 09h01
Carlos Lula ficará mais um ano à frente do ConassSecretário Carlos Lula permanecerá no cargo (Divulgação)

SÃO LUÍS - O secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, foi reeleito para a presidência do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e permanecerá no cargo por mais um ano.

Ele foi reconduzido para o cargo por aclamação, após uma articulação de gestores estaduais. O Conass tem atuado com sugestões de medidas de enfrentamento à Covid-19.

“Ninguém esperava ter a caminhada que tivemos. O turbilhão de desafios que atravessamos, nos aproximou. O Conass toma parte de nossas vidas, de nosso dia a dia, de nosso trabalho. O Conass é feito por todos os secretários, todas as secretárias e a ajuda de vocês, de forma incansável, é o que permite a gente a caminhar”, agradeceu o secretário maranhense.

Em seu perfil em rede social, o governador Flávio Dino (PCdoB) parabenizou Carlos Lula pela reeleição na entidade.

“Parabenizo o secretário de saúde do Maranhão, Carlos Lula, pela reeleição como presidente do CONASS, órgão que vem fazendo um grande trabalho em defesa da vida e da saúde da população”, escreveu.

Além da reeleição de Carlos Lula, cinco vice-presidentes para a gestão 2021/2022 foram eleitos no Conass.

São eles: André Longo (SES/PE) para a Região Nordeste; Juan Mendes (SES/AP) para a Região Norte; Nesio Júnior (SES/ES) para a Região Centro Oeste; Ismael Alexandrino (SES/GO) para a Região Sudeste; e, Beto Preto (SES/PR) para a Região Sul. A nova diretoria toma posse no mês de abril.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte