Geral | Reciclável

Festa em casa: Faça um Carnaval sustentável para a criançada

Movimento Plástico Transforma ensina pais e filhos a produzir fantasias, máscaras e brinquedos a partir de reutilização de material reciclável
13/02/2021 às 16h15
Festa em casa: Faça um Carnaval sustentável para a criançadaInstrumentos musicais feitos de produtos reciclados (Divulgação)

São Paulo - Uma das principais datas festivas brasileiras, o Carnaval deixará de ser comemorado em diversas cidades por causa da pandemia de Covid-19. Porém, pais e filhos, foliões de plantão, podem celebrar de uma maneira diferente, aprendendo a fazer fantasias, instrumentos musicais e até jogos com material reciclado. A ideia é promover um carnaval sustentável em casa e colocar em prática, de forma divertida, conceitos de sustentabilidade.

“Em algumas empresas e escolas, o feriado de carnaval será mantido, o que significa mais tempo livre com as crianças em casa. Por isso, a proposta é criar elementos ligados às festividades, usando criatividade aliada à reutilização”, afirma Fernanda Maluf, coordenadora do Movimento Plástico Transforma. Abaixo seguem algumas ideias para o “bloco dos sustentáveis”.

Fantasia de astronauta: Embalagens de refrigerantes podem se transformar em um colorido foguete. A dica é pintar os itens com tinta guache e uni-las com a ajuda de fita dupla face. Para a cauda, aposte em papel crepom vermelho para representar o fogo.

Máscara de bichos: Um verdadeiro zoológico pode surgir a partir de pratos de plásticos, tinta, cartolina e muita imaginação. Basta pintar os pratos e recortar a cartolina para formar olhos, focinho, boca e outras características de cada animal. As crianças também podem usar canetas hidrográficas para dar um acabamento caprichado.

Instrumentos musicais: Os pequenos foliões farão muito barulho com chocalhos produzidos com tampinhas plásticas de garrafa PET e tubos de PVC. Neste brinquedo, os pais devem ajudar na hora de perfurar a parte central das tampas e a parte superior dos canos. Depois, as crianças auxiliam passando as tampas pelo barbante que unirá ao tubo. Aí é só amarrar as pontas do barbante e começar a festa.

Boliche: Há também opções de jogos para quem prefere deixar o carnaval de lado. Com dez garrafas PET e uma bola é possível disputar um divertido boliche com a criançada. As embalagens podem ser personalizadas com tintas e adesivos, de acordo com as preferências de cada criança.

Quando a criança deixar de brincar, porque o objeto quebrou ou porque ela simplesmente enjoou, é hora de dar um destino correto ao brinquedo. Grande parte do material plástico é 100% reciclável, por isso é importante descartá-lo por meio da coleta seletiva. Assim eles estarão aptos a voltar para a cadeia produtiva.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte