Polícia | Caso Nenzim

Justiça desafora julgamento de Júnior do Nenzim

O crime ocorreu em Barra do Corda e o suspeito vai ser julgado na capital
06/01/2021

Barrado Corda - O Poder Judiciário decidiu pelo desaforamento do julgamento de Manoel de Sousa Filho, Júnior de Nenzim, e deve ser julgado em São Luís. De acordo com a polícia, ele é acusado de ter participado do assassinato do pai, Manoel Mariano de Sousa, o Nenzim, ocorrido no dia 6 de dezembro de 2017, em Barra do Corda. A vítima era ex-prefeito daquela cidade.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

Assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte