Geral | Aborto Legal

Senado da Argentina aprova legalização do aborto até 14ª semana

Câmara já havia aprovado a legalização; profissionais que não concordem em realizar a prática podem invocar objeção de consciência
Equipe AE30/12/2020 às 09h18
Senado da Argentina aprova legalização do aborto até 14ª semana Agustin Marcarian/Reuters

Buenos Aires - O Senado da Argentina aprovou, na madrugada desta quarta-feira, 30, a legalização do aborto até a 14ª semana de gestação. Já confirmada na Câmara dos Deputados do país, a medida foi aprovada no Senado por 38 votos a 29, após 12 horas de debate de acordo com a imprensa local, confirmando uma das promessas de campanha do presidente Alberto Fernández.

Pela norma aprovada, segundo a agência oficial Télam, profissionais que não concordem com a prática podem invocar objeção de consciência para não se envolver ela.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte