PH | COLUNA SOCIAL

Pergentino Holanda

26/11/2020

A morte de um ídolo
A morte de Diego Maradona aos 60 anos põe fim à existência física de um dos maiores ídolos do esporte em todos os tempos e definitivamente o transforma em mito. argentinos são muito afeitos a isto. Evita, Juan Domingos Perón e Carlos Gardel passam a ter alguém como eles ou maior para dividir a devoção de um povo. fundamental é que, comparado a grandes heróis e paixões do país, Maradona é mais universal.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

Assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte