Geral | Em processo

Doses da vacina contra o novo coronavírus vindas da China devem chegar no Brasil

A vacina é chamada de CoronaVac e feita em parceria entre o Instituto Butantan e a farmacêutica chinesa Sinovac
31/10/2020 às 14h57
Doses da vacina contra o novo coronavírus vindas da China devem chegar no Brasil Havendo o aval da Anvisa, as doses estarão prontas para serem aplicadas (Divulgação)

SÃO PAULO (SP) - O secretário estadual de Saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn, disse neste sábado que as 6 milhões de doses da vacina contra a covid-19 que virão prontas da China devem chegar ao país nos próximos dias. A informação é do portal UOL.

Segundo o gestor, a expetativa é para a vinda dos insumos que serão usados na fabricação de 40 milhões de doses pelo Instituto Butantand. "A gente acredita que as 6 milhões de doses [chegam] já nos próximos dias, que nós tenhamos no nosso país”, eclarou em entrevista à GloboNews.

Ainda de acordo com o gestor, o material será transportado em aviões e armazenados em refrigeradores a temperaturas entre 2 e 8 graus. Gorinchteyn ressaltou que as vacinas ficarão armazenadas até o final do estudo clínico da pesquisa.

Ele afirmou que havendo o aval da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) as doses estarão prontas para serem aplicadas.

A vacina é chamada de CoronaVac e feita em parceria entre o Instituto Butantan e a farmacêutica chinesa Sinovac. A pesquisa está em curso e na última fase. Não a previsão para o estudo ser finalizado.

O secretário de Saúde declarou que há um esboço de como será a distribuição da vacina caso, ao final do estudo, ela seja aprovada pela Anvisa.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte