Geral | História

CGJ rememora 408 anos das Leis Fundamentais do Maranhão

As leis eram rigorosas e previam penas severas, incluindo a morte para a transgressão de algumas delas, salvo a legítima defesa, já prevista no texto; deixaram sua marca nos estudos jurídicos ao longo da história
31/10/2020

SÃO LUÍS - A instituição das Leis Fundamentais do Maranhão completam, neste 1º de novembro, 408 anos. Em homenagem a esse acontecimento, que remonta a própria história do Maranhão e, notadamente da sua capital, São Luís, a Corregedoria Geral da Justiça rememora essa que é considerada a precursora das constituições americanas.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

Assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte