PH | COLUNA SOCIAL

Pergentino Holanda

29/10/2020

Prêmio Camões
Na sua 32.ª edição, o mais importante prêmio literário de língua portuguesa consagrou o autor de Teoria da Literatura (1967) e uma das mais prestigiadas figuras dos estudos literários portugueses.
Vítor Aguiar e Silva é o terceiro ensaísta distinguido, depois de Eduardo Lourenço e Antonio Cândido. O prêmio tem o valor de cem mil euros. O sucessor de Chico Buarque, vencedor de 2019, é um dos autores signatários da Petição em Defesa da Língua Portuguesa Contra o Acordo Ortográfico, manifesto on-line contra o novo acordo de 1990, que visa unificar a língua portuguesa entre os países.
Nascido em 1939, Vítor Aguiar e Silva tem em sua trajetória acadêmica os estudos voltados para teoria da literatura e da literatura portuguesa do
Barroco e do Modernismo, movimentos artísticos. Na última terça-feira, a ministra da Cultura de Portugal, Graça Fonseca, anunciou o nome do professor como
vencedor também pelos estudos feitos sobre o próprio Camões.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

Assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte