Polícia | Prisão

Vaqueiro acusado de feminicídio preso na Raposa

A vítima estava grávida e o crime ocorreu no povoado Arrebenta, em São João Batista
17/10/2020

SÃO LUÍS - O vaqueiro identificado como Mancor, acusado de ter assassinado a ex-companheira, Dulcimara Pinto Ferreira, de 16 anos, foi preso durante incursão policial na sexta-feira, 16, no município de Raposa. De acordo com a polícia, a vítima estava gestante de três meses e o crime ocorreu no dia 25 de julho deste ano, no povoado Arrebenta, zona rural de São João Batista.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

Assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte