Política | Sabatina/O Estado

Yglésio diz que combaterá sonegação fiscal em São Luís

Durante uma hora de conversa com os jornalistas Carla Lima, editora de Política de O Estado, e Thiago Bastos (O Estado) e Luciano Dias (Imirante), ele destacou propostas nas áreas de Esporte, Saúde, Segurança e Administração Pública
Gilberto Léda14/10/2020 às 11h18
Yglésio diz que combaterá sonegação fiscal em São Luís

O candidato a prefeito de São Luís pelo Pros, deputado Yglésio Moyses, foi o entrevistado desta quarta-feira, 14, na Sabatina O Estado/Imirante.

Durante uma hora de conversa com os jornalistas Carla Lima, editora de Política de O Estado, e Thiago Bastos (O Estado) e Luciano Dias (Imirante), ele destacou propostas nas áreas de Esporte, Saúde, Segurança e Administração Pública. E fez uma arrojada proposta de combate à sonegação fiscal na capital.

Segundo o candidato, apenas 200 empresas pagam 70% de toda a arrecadação do Imposto Sobre Serviços na cidade, e há muita sonegação.

Yglésio propôs, então, a implantação de um posto de arrecadação da Secretaria Municipal da Fazenda (Semfaz) no Porto do Itaqui. "Vou atrás dos centavos que saem dali", disse. Segundo ele, isso pode proporcionar um incremento da ordem de 15% na arrecadação de ISS pelo Município.

De acordo com o candidato, é importante descobrir quem são os devedores e cobrar dívidas de impostos.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte