Cidades | Trabalho remoto

Destaque no isolamento social, home office tem potencial de expansão pós-pandemia

Pesquisa realizada pela USP aponta interesse dos brasileiros em manter o trabalho remoto
05/09/2020 às 19h15
Destaque no isolamento social, home office tem potencial de expansão pós-pandemiaModalidade de trabalho à distância possui diversas vantagens e pode ser potencializada por empresas e gestores (Divulgação)

São Luís - Durante a pandemia da Covid-19 a rotina de trabalho dos mais diversos segmentos foi alterada consideravelmente e o home office foi adotado por grande parte das empresas. Apesar de não ser uma novidade, o método de trabalho remoto acabou se popularizando neste período em que o isolamento social é imprescindível e nesse processo tem sido cada vez maior a aprovação do home office por funcionários e gestores.

Pesquisas demonstram, inclusive, um potencial de expansão do trabalho remoto após o período de pandemia, como mostrou um estudo realizado pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA) da Universidade de São Paulo (USP), onde 70% dos entrevistados demonstraram interesse em continuar no home office.

A modalidade de trabalho à distância possui diversas vantagens e pode ser potencializada por empresas e gestores. Além da disponibilidade dos funcionários, um ponto importante para tornar a prática de trabalho à distância cabe aos gestores. De acordo com profissionais da área, é preciso oferecer suporte aos colaboradores que atuam remotamente, desde apoio técnico, ofertando computadores e acesso à internet, por exemplo aos cuidados com a saúde física e mental dos trabalhadores.

Esse é, inclusive, o procedimento praticado por uma companhia de soluções logísticas responsável pela circulação de trens entre o Maranhão e o Tocantins e pela operação do Terminal Portuário de São Luís, desde que o home office precisou ser amplamente implementado na empresa, que já executava o trabalho remoto em uma escala de pessoal e tempo menor.

Para garantir as melhores condições de atividades, uma série de ações incrementaram a relação entre a companhia e seus colaboradores, entre elas a criação do Alô Saudavelmente, um canal para que os funcionários tenham suporte profissional para queixas relacionadas à saúde física e psicológica. “A empresa também ofereceu suportes para que o trabalho remoto ficasse ainda melhor, como o kit ergonômico, contendo cadeira, mouse, teclado, para possibilitar o bem estar físico dos empregados”, explicou Kenya Consceição, supervisora de atração e seleção da empresa.

A companhia está realizando, durante todo o período, conversas em grupo e individuais, assim como palestras, abordando temas variados sobre a nova rotina. Esses foi o caminho encontrado para que o desempenho dos funcionários permaneça otimizado, até mesmo, quando todos estão fisicamente distantes da empresa, que se destaca pela boa relação com seus colaboradores. “Realizamos uma pesquisa interna e 85% dos nossos empregados avaliaram o home office como positivo e que a prática deveria continuar. Este é um indicativo de que estamos no caminho certo”, frisou Consceição.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte