Polícia | Ato bárbaro

Polícia Civil investiga feminicídio na cidade de Amapá do Maranhão

Vítima estava gestante e foi assassinada a golpes de facão pelo companheiro, que até o início da noite de ontem não foi preso; este ano já ocorreram 42 casos
02/09/2020

São Luís - A Polícia Civil começou ontem a investigar o caso de feminicídio, que ocorreu durante a madrugada do último dia 31, na cidade de Amapá do Maranhão. Segundo a polícia, a vítima, que estava gestante, foi morta a golpes de facão e o principal acusado é o companheiro dela, identificado como Jota, que ainda não foi preso. Um total de 42 feminicídios já ocorreram neste ano no Maranhão e sendo que quatro casos foram registrados no decorrer destes últimos três dias.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

Assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte