PH | COLUNA SOCIAL

Pergentino Holanda

12/08/2020

Máscaras e estilo
O principal é a proteção, mas as máscaras, que passaram a ser acessórios indispensáveis, também evoluem pelo lado estético e
ganham status de peças do vestuário.
Elas se tornaram item imprescindível não apenas para profissionais da saúde. Os modelos com pregas e bico de pato são exemplos, com variações de cortes e avanço na tecnologia.
Até grifes despertaram para a nova oportunidade. A designer maranhense Vanuza Araújo, por exemplo, observa que, como farão
parte do cotidiano por algum tempo, se transformaram inclusive em um nicho de mercado, com diversas opções, mas devem sempre
seguir as orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS).
Os modelos disponíveis inicialmente eram os utilizados por profissionais da saúde, com materiais padrão e pouca variação.
Como o povo brasileiro tem um viés criativo e é bastante singular nas escolhas, variações em termos de modelagem e materiais
começaram a surgir.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

Assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte