O País | Saúde

Brasil zera fila de tratamento de hepatites virais e tem estoque até 2021

MS divulga dados inéditos da doença no país, com destaque para Hepatite C, que apresentou queda na taxa de mortalidade e no número de óbitos
28/07/2020 às 22h15

BRASÍLIA - No Dia Mundial de Combate às Hepatites Virais (28/7), o Brasil comemora avanços nas ações para eliminação das hepatites virais até 2030. O Ministério da Saúde reestruturou o modelo de aquisição, programação e distribuição dos medicamentos para hepatites virais em agosto de 2019 e agora se prepara para reestruturar o modelo de dispensação. O resultado é o fim da espera dos medicamentos pelos pacientes. Foram adquiridos 50 mil tratamentos para hepatite C em março deste ano para garantir o abastecimento da rede por, no mínimo, um ano, bem como há estoques dos medicamentos para hepatite B que devem abastecer a rede até o primeiro trimestre de 2021.

Estamos vivendo uma situação onde o senso de coletividade, a prevenção e conscientização são fundamentais. Em momentos como esse, a informação não tem preço. Por esse motivo o jornal O Estado está liberando o acesso gratuito a todo o seu conteúdo. Fique em casa e bem informado. Leia O Estado.

Já tenho cadastro

entrar

Ainda não tenho cadastro

Cadastre-se

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte