Vida | Alerta

Incidência de Burnout pode crescer no pós-pandemia

Síndrome do esgotamento profissional já atinge pelo menos 32% dos brasileiros
22/07/2020

SÃO PAULO- A rotina de trabalho de boa parte da população exige a habilidade de se dividir para dar conta de muitas coisas ao mesmo tempo: reuniões, prazos curtos, pressão para cumprir metas e sobrecarga de atividades. E embora algumas pessoas sejam mais resistentes ao estresse, não há resiliência que aguente uma rotina assim por muito tempo. O resultado é que um dia, sem aviso, a mente entra em pane e a saúde cobra a sua conta. Esse fenômeno de exaustão relacionada ao trabalho tem nome: Síndrome de Burnout ou Síndrome do Esgotamento Profissional – e já está mais presente do que imaginamos.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

Assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte