Paulo Ricardo Dias - empresário

"Os tempos difíceis não duram para sempre"

Empresário maranhense do ramo do turismo que mora no Rio de Janeiro conta como está driblando a crise e revela seu talento para a literatura, dramaturgia e a música

Evandro Júnior/Da equipe de O Estado

- Atualizada em 11/10/2022 às 12h19
Paulo Ricardo Dias já organizou viagens de diversas celebridades
Paulo Ricardo Dias já organizou viagens de diversas celebridades (PAULO RICARDO dias)

SÃO LUÍS- Há 34 anos morando no Rio de Janeiro, o empresário maranhense Paulo Ricardo Dias, proprietário da Pride Agência de Viagens e Turismo (@pridetur9), precisou de muito jogo de cintura para enfrentar as conseqüências trazidas pela pandemia do coronavírus para o setor de turismo, o primeiro a ser afetado drasticamente e, provavelmente, o último a se recuperar.

“Mesmo que as companhias aéreas retornem à normalidade, com a oferta de voos, o medo do contágio e a crise econômica, conseqüências da pandemia, ainda irão prejudicar muito o mercado do turismo no Brasil. O dólar alto e a perda de receita de muitos brasileiros são fatores que contribuem para que o turista adie os planos de uma viagem para 2021, até que a vacina que está sendo testada possa ser aplicada”, diz o empresário.

Paulo Ricardo Dias conta que uma das estratégias usadas por sua empresa, com sede no Rio de Janeiro, foi o direcionamento das vendas para o mercado corporativo. “Muitas empresas de serviços essenciais mantiveram as suas atividades normalmente e, com isso, conseguimos manter, aproximadamente, 40% do faturamento nestes meses de isolamento social. Adotamos o sistema home office e plantões aos fins de semana, para atender toda a demanda por esclarecimentos sobre cancelamentos e reembolsos, por exemplo”.

O empresário acredita que tudo poderá voltar ao normal em 2021. “A nossa expectativa, sendo muito otimista, é essa. No entanto, algumas companhias aéreas já estão revalidando as passagens para 2022”, diz ele, que costuma atender muitos artistas famosos.

O empresário conquistou uma legião de fãs na Cidade Maravilhosa e, por conseguinte, muitos clientes para a agência de viagens que comanda, incluindo várias celebridades. É o caso da atriz e apresentadora Regina Casé, atendida pela empresa desde 2001. Além dela, a agência tem clientes fiéis como Zeca Pagodinho, Mumuzinho, Marcelo Serrado, Xande de Pilares, David Brasil, Luciana Gimenez, Douglas Silva, o casal Fernanda Rodrigues e Raoni Carneiro, entre diversos outros. Os artistas acabaram se tornando amigos do maranhense, que também aproveita para falar das maravilhas turísticas de seu estado, incluindo os Lençóis Maranhenses e as cachoeiras refrescantes de cidades como Carolina.

O maranhense, a partir de seu empreendimento, faz atendimentos especiais em aeroportos, para acelerar processos de check-in, despacho de bagagens e apresentação de documentos necessários para as viagens. “Este suporte é fundamental para que o cliente fique o menor tempo possível nas filas intermináveis, que se formam nos balcões das companhias aéreas. Em alguns casos, eu mesmo acompanho pessoalmente o grupo em viagens nacionais ou internacionais”, revela.

Paulo também desenvolve um trabalho muito afinado com produtoras de filmes e documentários. Organiza os melhores voos e horários para que tudo ocorra dentro do planejado. “Não há margem para erros. O cronograma das filmagens tem de ser rigorosamente cumprido dentro do prazo, uma vez que atores, diretores e equipes técnicas têm outros compromissos”, explica.

Livro

Atualmente, Paulo Ricardo Dias está escrevendo um livro (“O Azarado Mais Sortudo do Mundo”: contos escritos a partir de suas próprias experiências. São 20 histórias reais que pretendem ajudar a refletir e a transformar as dificuldades e situações quase irreversíveis em novas possibilidades) e uma série para TV. Além disso, ainda este mês, ele lançará o cantor Maurício (@cantormauriciooficial), com o qual tem composições em parceria.

A ideia de compor aconteceu por acaso na vida do maranhense. Os dois começaram a escrever composições durante a quarentena, principalmente depois que o governo municipal do Rio de Janeiro fechou a cidade. “Ele já tinha algumas composições e as melodias eram muito boas. Foi aí que nós decidimos reescrever algumas e criar outras. Nós também tivemos a ajuda de um amigo músico cantor e compositor, o Fabrício Luz, com quem criarmos outras versões para as canções. Fizemos alguns posts nas redes sociais com uma seleção de sertanejo, pop, reggae e samba rock. A aceitação foi muito boa. Agora, vamos gravar em estúdio e lançar nos canais de música, redes sociais e rádios", anuncia.

Paulo costuma retornar ao Maranhão entre três a cinco vezes por ano. “Infelizmente, este ano ainda não foi possível visitar a Ilha, mas já está confirmada a minha chegada na cidade no próximo dia 31. Tenho família em São Luís e muitos amigos. Lembro muito da minha infância, da gastronomia e, claro, do Guaraná Jesus”, conta.

O empresário diz que, apesar da pandemia e das dificuldades decorrentes, a vida não pode parar e é preciso ser otimista e ter boas idéias. “Os tempos difíceis não duram para sempre, assim como os bons tempos também não. A vida é um eterno ciclo e logo, logo, esse ciclo vai girar e todos nós voltaremos a sorrir, correr, dançar, brincar e seremos felizes juntos, novamente”, finaliza.

A gente conta- Paulo Ricardo Dias

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.