Ventos fortes

Ventania derruba postes e causa estragos em São Luís nesta segunda-feira

Árvores ficaram com as raízes expostas por conta do fenômeno; a ventania foi registrada durante uma chuva que caiu na capital maranhense

Nelson Melo / O Estado

- Atualizada em 11/10/2022 às 12h19
Na Av. Guajajaras, poste caiu sobre parada de ônibus; não há notícias de feridos
Na Av. Guajajaras, poste caiu sobre parada de ônibus; não há notícias de feridos

SÃO LUÍS - Árvores desprendidas do solo e postes de iluminação pública no meio da rua. Esse foi o cenário que ficou na capital maranhense após uma ventania que assolou a Ilha nesta segunda-feira (13). O fenômeno causou uma sequência de transtornos, principalmente, no bairro Forquilha. O Laboratório de Meteorologia (Labmet), do Núcleo Geoambiental da Universidade Estadual do Maranhão (Uema), já havia alertado que julho seria marcado por ventos fortes na região metropolitana de São Luís por conta do período de transição da estação chuvosa para a estação seca.

Árvore caiu e destruiu muro na região da Forquilha
Árvore caiu e destruiu muro na região da Forquilha

No bairro Forquilha, pelo menos sete postes de energia elétrica foram arrastados pela ventania. Alguns deles ficaram no meio da Avenida Guajajaras, perto do acesso à Avenida Jerônimo de Albuquerque e à MA-201 (Estrada de Ribamar).

Uma parada de ônibus também foi atingida, mas, felizmente, ninguém saiu ferido. Carros sofreram danos por conta do fenômeno meteorológico. Várias árvores foram arrancadas e ficaram com as raízes expostas. O evento deixou os moradores e condutores assustados.

Energia

A região ficou sem energia logo após a ocorrência do fenômeno. Em nota, a Equatorial Maranhão comunicou que o temporal com fortes rajadas de ventos afetou severamente as redes de distribuição de energia elétrica no início da tarde da segunda-feira,13 na região do bairro Forquilha, principalmente em virtude de diversos objetos, inclusive uma torre de telefonia lançados sobre as redes de energia ao longo da Avenida Guajajaras.

Equipes de manutenção da concessionária foram mobilizadas desde o início da ocorrência para substituir oito postes quebrados e reconstruir as redes de distribuição danificadas.

Imóveis ficaram sem energia elétrica nos bairros: Forquilha, João de Deus, Cohab Anil, Cohatrac, Aurora, Planalto, Cruzeiro do Anil, Angelim, Novo Angelim e áreas adjacentes.

Por transferência de cargas (uso de redes elétricas alternativas) a energia elétrica já foi restabelecida para 99% da região afetada.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.