Cidades | Enfrentamento

Prefeitura de São Luís previne e combate Covid-19 em todas as áreas de risco da capital

Iniciativa da administração municipal que conscientiza sobre ações como a necessidade do distanciamento social e uso de máscaras, terá continuidade em julho
27/06/2020 às 18h46
Prefeitura de São Luís previne e combate Covid-19 em todas as áreas de risco da capitalAgentes da Defesa Civil municipal orientam moradora de área de risco sobre proteção contra a Covid-19 (Divulgação)

As ações de combate ao novo coronavírus (Covid-19), que estimula práticas como distanciamento social e uso de máscaras, promovidas pela Prefeitura de São Luís, por meio das equipes da Defesa Civil, órgão vinculado à Secretaria Municipal de Segurança com Cidadania (Semusc), já percorreu todas as comunidades das 60 áreas de riscos mapeadas na capital. A iniciativa, realizada diariamente pela gestão do prefeito Edivaldo Holanda Junior, começou logo após a determinação das regras do distanciamento social e terá continuidade em julho.

Contabilizando as visitas pelos agentes da Defesa Civil nessas comunidades, de março (início da pandemia) até junho, foram percorridas mais de 300 ruas e travessas. “O objetivo principal das abordagens feitas pelos agentes da Defesa Civil foi levar orientação e trabalhar a conscientização dos moradores sobre a manutenção do distanciamento social, fazendo alertas sobre evitar aglomerações, fazer uso de máscaras em locais públicos e estabelecimentos comerciais e a correta higienização das mãos para evitar a propagação do vírus da Covid-19”, ressalva o secretário municipal de Segurança com Cidadania, Heryco Coqueiro.

Reforço

Segundo a superintendente da Defesa Civil, Elitania Barros, as equipes do serviço deverão fazer retornos programados às comunidades já visitadas para reforçar as medidas de prevenção ao novo coronavírus e estimular a população a continuar a manter o distanciamento social e a fazer uso de máscaras. “Todas as 60 áreas de riscos já visitadas, receberão de novo as nossas equipes para fazer esse reforço na conscientização dos moradores e, assim, evitar a propagação da Covid-19”, informa Elitania Barros.

Para realizar as visitas, os agentes do serviço levam em conta a localização das comunidades em áreas de níveis de risco alto e muito alto, como a área do Coroadinho e a área Itaqui-Bacanga.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte