DOM | Covid-19

Sem tempo de dizer adeus: pandemia muda cerimônia de luto

Especialista emocional Leandro Cunha orienta sobre como viver o luto neste período de quarentena
14/06/2020 às 07h49

São Paulo - Os efeitos da pandemia de Covid-19 seguem a transformar os hábitos das famílias, as organizações de trabalho e infelizmente, até mesmo em uma das tradições mais tristes do país: a cerimônia de luto. Com o número de mortes ultrapassando a casa dos 30 mil, o cenário segue instável para todos os brasileiros, principalmente para aqueles que sofreram perdas recentes de seus parentes e amigos, ou seja, além da imprevisibilidade de tudo ainda precisam lidar com o sentimento de dor.

Estamos vivendo uma situação onde o senso de coletividade, a prevenção e conscientização são fundamentais. Em momentos como esse, a informação não tem preço. Por esse motivo o jornal O Estado está liberando o acesso gratuito a todo o seu conteúdo. Fique em casa e bem informado. Leia O Estado.

Já tenho cadastro

entrar

Ainda não tenho cadastro

Cadastre-se

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte