Polícia | Investigação

Disputa judicial teria motivado morte de mãe e filha no bairro do Calhau

As vítimas foram achadas mortas em casa, na Quintas do Calhau, dentro de um carro e enroladas em um lençol, na manhã desse domingo, 7
Nelson Melo08/06/2020

SÃO LUÍS - A Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP) está investigando um caso registrado na manhã desse domingo, 7, na Quintas do Calhau, na capital maranhense. Lá, Graça Maria Pereira de Oliveira, de 57 anos, e sua filha, Talita de Oliveira Frizero, 27, foram encontradas mortas dentro de um carro, na casa onde ambas moravam, na Rua Duque Bacelar, Quadra 33. O ex-marido da mãe é apontado como o autor do duplo homicídio, devido a uma disputa judicial.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

Assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte