Economia | Benfício

Caixa amplia prazo da pausa na prestação habitacional para até 120 dias

Clientes que já solicitaram a suspensão da cobrança por 90 dias terão a pausa automaticamente prorrogada
14/05/2020 às 19h36
Caixa amplia prazo da pausa na prestação habitacional para até 120 diasA medida faz parte das ações do banco para oferecer aos clientes alternativas para enfrentar os efeitos causados à economia pela pandemia da Covid-19 (Divulgação)

Brasília - A Caixa disponibiliza, a partir de segunda-feira (18), a ampliação da pausa na habitação por um período de 120 dias para aqueles clientes pessoa física que já solicitaram a suspensão temporária de 90 dias do financiamento habitacional e Crédito Imóvel Próprio (Home Equity) e tiveram o pedido atendido. Para quem decidir solicitar a suspensão temporária das prestações a partir de agora, o período de pausa já será de 120 dias no total.

A ampliação do período de pausa também estará disponível para os clientes pessoa jurídica. Aqueles que pediram a pausa de 90 dias e foram atendidos podem solicitar a complementação, totalizando 120 dias. Esta condição é válida para os financiamentos à produção de empreendimentos e para os financiamentos de aquisição e construção de imóveis comerciais – individual. O cliente pessoa jurídica que ainda não pediu a pausa, poderá solicitar já no total de 120 dias.

Para o presidente da Caixa, Pedro Duarte Guimarães, “ao estender a pausa na prestação do contrato habitacional para quatro meses, o banco oferece às pessoas e empresas a oportunidade de reprogramar seu orçamento diante das dificuldades que vêm enfrentando nesse período”, comenta.

A medida faz parte das ações do banco para oferecer aos clientes alternativas para enfrentar os efeitos causados à economia pela pandemia da Covid-19.

Balanço
Até o momento, mais de 2,3 milhões de mutuários já solicitaram a pausa na prestação habitacional. Atualmente, 22 serviços são oferecidos pelo banco por meio do aplicativo e telefone para maior comodidade e segurança dos clientes.

Durante o período de pausa o contrato não está isento da incidência de juros, seguros e taxas. Os valores dos encargos pausados são acrescidos ao saldo devedor do contrato. A taxa de juros e o prazo contratados originalmente não sofrem alteração.

SAIBA MAIS

Quem pode solicitar

Clientes pessoa física com contratos em dia ou com até 180 dias atraso, bem como clientes que utilizaram o FGTS para abater uma parte da prestação também podem solicitar o serviço.

Clientes pessoa jurídica com contratos em dia ou com atraso de até 60 dia (2 prestações).

Como solicitar

Cliente pessoa física: Para solicitar a pausa, basta acessar o aplicativo Habitação Caixa ou registrar o pedido pelos telefones 3004-1105 e 0800 726 0505, ou de forma automatizada pelo 0800 726 8068, opção 2.4.2 de segunda a sexta e aos sábados de 10h às 16h (exceto feriados).

Para aqueles clientes que já fizeram a opção pela pausa de 90 dias, a prorrogação para 120 dias será automática, não sendo necessário efetuar nova solicitação.

Caso o cliente faça a opção pela pausa e resolva solicitar o cancelamento poderá efetuar através dos telefones de telesserviço disponibilizados.

Cliente pessoa jurídica: A pausa para contratos de aquisição e construção de imóveis comerciais (individual) poderá ser solicitada pelo número 0800 726 8068, opção 2.4 ou requerida ao gerente de relacionamento. Para contratos de financiamento à produção de empreendimentos, a solicitação é realizada por meio do gerente de relacionamento. O contato com seu gerente deve ser realizado preferencialmente por meio eletrônico.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte