Geral | Dengue

Saneamento precário pode elevar risco de proliferação do Aedes aegypti

Segundo dados do Trata Brasil, 100 milhões de brasileiros vivem hoje sem acesso à coleta de esgoto; apenas 46% do esgoto passam por tratamento
12/04/2020 às 07h59

Brasília - Segundo dados do Trata Brasil, 100 milhões de brasileiros vivem hoje sem acesso à coleta de esgoto. E apenas 46% do esgoto passam por tratamento. Com a falta de saneamento, o risco de doenças é maior – entre elas, a dengue, transmitida pelo mosquito Aedes aegypti.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

Assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte