Geral | Justiça

Advogado maranhense pede anulação do edital do Enem deste ano

Segundo ele, o documento, além de impertinente, possui aspectos de inconstitucionalidade, uma vez que determina aplicação da prova digital para alguns candidatos
04/04/2020

O advogado maranhense Sérgio Melo ajuizou, no começo da tarde de ontem, 2, Ação Popular, em face do Ministério da Educação (MEC) e do Instituto Nacional de Estudo e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), pleiteando a anulação do Edital nº 27, de 30 de março deste ano, que estabelece as regras de realização do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020. Segundo ele, o edital, além de impertinente, possui aspectos de inconstitucionalidade, uma vez que determina aplicação da prova digital para alguns candidatos.

Estamos vivendo uma situação onde o senso de coletividade, a prevenção e conscientização são fundamentais. Em momentos como esse, a informação não tem preço. Por esse motivo o jornal O Estado está liberando o acesso gratuito a todo o seu conteúdo. Fique em casa e bem informado. Leia O Estado.

Já tenho cadastro

entrar

Ainda não tenho cadastro

Cadastre-se

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte