Política | Covid-19

Edivaldo Holanda Júnior: "Prefeitos pedirão suspensão do pagamento de dívidas"

Prefeito de São Luís diz que crise na saúde pode se tornar crise fiscal e que efeitos nas contas públicas devem começar a ser sentidos em até 60 dias
Gilberto Léda/Da Editoria de Política26/03/2020

O prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PDT), avaliou ontem, durante entrevista coletiva após uma videoconferência com gestores membros da Federação Nacional dos Prefeitos, que a atual crise sanitária por que passa o Brasil em virtude da expansão do novo coronavírus (Covid-19) e das medidas que vêm sendo tomadas em todos os âmbitos para contê-lo, deve provocar uma crise fiscal nos próximos meses.

Estamos vivendo uma situação onde o senso de coletividade, a prevenção e conscientização são fundamentais. Em momentos como esse, a informação não tem preço. Por esse motivo o jornal O Estado está liberando o acesso gratuito a todo o seu conteúdo. Fique em casa e bem informado. Leia O Estado.

Já tenho cadastro

entrar

Ainda não tenho cadastro

Cadastre-se

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte