Cidades | Coronavírus

Busca por álcool gel caseiro aumenta nas redes sociais

Brasileiros começaram a procurar alternativas nessa semana à falta ao produtos nos estabelecimentos comerciais, mesmo com veto das autoridades
22/03/2020 às 00h00
Busca por álcool gel caseiro aumenta nas redes sociais Busca por informações sobre álcool em gel caseiro aumentaram (Divulgação)

Indicado para prevenção do coronavírus, o álcool em gel registrou aumento nos preços e também falta de estoque em alguns estabelecimentos comerciais. Em virtude desse cenário, a partir do dia 15 de março, registrou-se um aumento de menções nas redes sociais ao “álcool em gel caseiro” ou “como fazer álcool em gel”. No dia 18, quarta-feira, o volume de publicações chegou a 5,6 vezes o total do registrado no domingo, quando começou o crescimento. Já em relação a ontem, houve uma queda de 46%.

É o que aponta levantamento dos últimos cinco dias da Stilingue, plataforma líder nacional de Inteligência Artificial (IA) para o idioma Português (PT-BR) - com foco em Social Intelligence & Responding em tempo real. O Twitter registrou 54% das menções, o Facebook 21% e YouTube 20%. As mulheres se mostraram mais preocupadas com o tema, representando 46% do total de publicações.

Contraindicado para combate ao vírus, a produção caseira do produto é vetada pelo Conselho Federal de Química, e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária ainda alerta para acidentes por queimadura e indigestão. Em caso de falta do produto, a recomendação é higienizar as mãos com água e sabão.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte