Esporte | Futebol

Pandemia do coronavírus muda rotina dos times maranhenses

Com suspensão do Campeonato Maranhense por tempo indeterminado, times repensam programação de treinos e atividades
19/03/2020
Pandemia do coronavírus muda rotina dos times maranhensesSampaio Corrêa decidiu manter a programação de treinos no CT José Carlos Macieira, mas as atividades serão realizadas com portões fechados (Lucas Almeida)

São Luís - A pandemia do novo coronavírus mudou a rotina das equipes que disputam o Campeonato Maranhense. Com a suspensão de todos os por tempo indeterminado pela Federação Maranhense de Futebol (FMF), os times maranhenses adotaram medidas diante da pandemia de coronavírus (Covid-19), mas que podem mudar a qualquer momento.

O Maranhão divulgou nesta tarde que suspendeu todos os treinamentos da equipe profissional e das categorias de base por um período inicial de 15 dias. A medida é de prevenção por causa da pandemia do coronavírus. Após uma nova reunião, a diretoria do Imperatriz decidiu paralisar as atividades do elenco profissional e liberar os atletas, para reduzir o risco de contágio do novo coronavírus. A decisão foi tomada na tarde desta terça-feira, em uma reunião entre diretoria e comissão técnica.

Jogadores, comissão técnica e o restante dos funcionários do Imperatriz já foram liberados e retornam as suas respectivas casas até segunda ordem. Sem previsão de retorno do Maranhense, assim como o início da Série C do Brasileirão, o afastamento e a suspensão das atividades seguem por tempo indeterminado. São José e Juventude, também anunciaram a paralisação das atividades, assim como Pinheiro e Cordino.

Após reunião entre a diretoria e comissão técnica, o Moto Club também definiu pela suspensão das suas atividades.

O Sampaio Corrêa foi o único clube que decidiu manter a programação de treinos no CT José Carlos Macieira, mas as atividades serão realizadas com portões fechados para imprensa como para o torcedor seguindo a medida de prevenção por conta o Covid-19.

O presidente do Sampaio Corrêa, Sérgio Frota, ainda analisa a paralisação total das atividades, em razão de não ter nenhuma posição da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) sobre o início da Série B do Campeonato Brasileiro 2020.

FMF para atividades

A Federação Maranhense de Futebol (FMF) decidiu na segunda-feira (16), após reunião com os clubes, que o Estadual ficará paralisado por tempo indeterminado. A decisão da FMF segue medidas tomadas já pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), que suspendeu os campeonatos nacionais, entre eles, a Copa do Brasil e outras federações estaduais.

Após anunciar a suspensão do Campeonato Maranhense da Série A 2020 e de todas as competições locais da temporada, a FMF divulgou outras medidas por conta da situação pandêmica do Covid-19. A entidade publicou uma portaria paralisando todos os serviços prestados pela entidade e liberou todos os seus funcionários com licença remunerada.

A decisão já entrou em vigor a partir dessa terça-feira e, assim como a decisão sobre as competições, tem tempo indeterminado. O documento divulgado pela entidade aponta ainda que, caso essa paralisação dure mais que 30 dias, os funcionários perderão o direito de suas férias: "Sendo considerado antecipação de férias para todos os efeitos".

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte