A gente conta... | Francinilde Cantanhede, gerente de Categoria de Ferramentas

Quebrando tabus no mercado de trabalho

Ela prova que mulheres podem desempenhar funções geralmente mais relacionadas a homens, demonstrando segurança, competência e profissionalismo
Evandro Junior / O Estado MA14/03/2020

Bater martelo, segurar broca e apertar parafusos são algumas das tarefas geralmente executadas por homens. Mas, já faz algum tempo que o mercado de trabalho tem dado oportunidades e acreditado no talento de muitas mulheres para desempenhar essas mesmas tarefas, que muito mais do que força física, exigem conhecimento e força de vontade. É uma onda que desassocia a figura do ser feminino ao chamado “sexo frágil”, buscando combater o preconceito, embora este ainda exista de forma latente.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte